quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Kits de goleiro 2002

O ano de 2002 ficou marcado como o ano do quase-rebaixamento. Do jogo contra o Paysandu em Belém ainda fala-se muita coisa, eu particularmente só lembro dos dois gols que nos livraram e da experiência negativa do momento. Estes foram alguns dos kits usados pelos goleiros do Inter nesta trajetória.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Kits de goleiro 2003

Já na era Muricy Ramalho, neste ano em que o Inter estava retornando à fase de vitórias, os kits de goleiro foram estes:

domingo, 26 de dezembro de 2010

Kits de goleiro 2004-2005

Nestes anos  foram lançados três modelos de camisas diferentes, com detalhamentos simples e elegantes. O goleiro que mais usou estas camisas foi o ídolo eterno Clemer, como podemos conferir a seguir.

sábado, 25 de dezembro de 2010

Mundial 2010

Desta vez a Reebok se puxou nos detalhes de "maca d'agua", certamente para dificultar a pirataria. A tendência é que o uniforme seja usado na temporada 2011 com a poluição de todos os patrocínios. De fato ele não trouxe o título mundial, mas a sua beleza é incontestável.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Kits de goleiro 2005

No último ano da Topper foram apresentados estes kits para o campeonato brasileiro e copa sulamericana daquele ano. As camisas seguiram a tendência de cores que o clube adotou para uniformização dos seus goleiros, usando o preto e o cinza como cores principais.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Copa União 1987

O post de hoje é um pedido do Bira do Futebol de Sonho. Faço com uma ponta de dor no coração pela derrota naquela final, mas também com satisfação por atender o pedido do amigo. No primeiro jogo Bebeto marcou para o Flamengo e Amarildo empatou para o Inter, já no segundo jogo Bebeto deu o título para o Fla, que tinha reconhecidamente um timaço que contava com ícones como Zico, Andrade, Leonardo, Jorginho, Renato, Zinho e o próprio Bebeto.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Mundial de clubes FIFA 2010

Hoje posto todos os  kits que o Colorado usou na campanha do mundial de clubes de 2010, que teve representantes de cinco dos seis continentes que formam o mapa do planeta terra, só não teve representante do continente antártico, pois lá não se joga futebol profissional ainda. Infelizmente saímos com a terceira colocação, após uma derrota para o Mazembe, representante do futebol africano e uma vitória sobre o Seongnam que representou o futebol asiático no mundial. Meus parabéns ao campeão mundial de clubes 2010 (com muita justiça), Internazionale de Milão, que junta-se ao seleto grupo de campeões mundiais da FIFA.
Estas foram as combinações usadas na derrota para o Mazembe e na vitória sobre o Seongnam respectivamente.
 Foram feitos três modelos para os kits de goleiro, mas só o preto foi utilizado nas duas partidas, para mim o cinza é o mais bonito dos três, é uma pena que não foi usado.
E estes são os kits de treino que foram desenvolvidos especialmente para o mundial de clubes, a pedidos do Gabriel F. e do Caio.

sábado, 18 de dezembro de 2010

Kits de goleiro 2006

Houveram muitas trocas de uniformização em virtude dos muitos títulos conquistados neste ano maravilhoso, fiz cinco deles.
Estas maravilhosas camisas foram usadas no mundial 2006, a preta no jogo contra o Al Ahly e a cinza no jogo contra o Barcelona.
Esta camisa foi usada inclusive nas finai da copa libertadores contra o São Paulo.
E estas foram as primeiras camisas de goleiro de 2006, por sinal muito bem elaboradas pela Reebok.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Amsterdam FC Ajax

Eu sou desde pequeno Colorado, aprendi a torcer somente pelo S.C. Internacional e ser fiel a uma única bandeira, reinterando sempre o respeito que adquiri por todos os clubes que fazem a grandeza do futebol mundial, no entanto um clube holândes chamado AFC AJAX ganhou minha admiração pela riqueza da sua história, pelo grande futebol que tornou-se característico ao longo de sua trajetória de 116 anos, e pela semelhança de cores e de futebol bonito e bem jogado como o meu Internacional. Para homenagear este clube posto o uniforme usado na última conquista intercontinental do Ajax, que foi em 1995 em Tóquio no Japão. O time da decisão foi formado por Van Der Sar, Bogarde, Blind, Frank de Boer, Reiziger, Litmanen, Ronald de Boer, Edgar Davids, Finidi, Overmars e Kluivert.